Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Scalla FM volta (mais uma vez) ao dial de São Paulo - 2

Parece notícia velha, mas não é. Aliás, o título "Scalla FM volta (mais uma vez) ao dial de São Paulo" é o mesmo que usei em dezembro de 2010, quando a emissora apareceu pela primeira vez na capital paulista em 102,9 MHz.

Fora do ar em São Paulo desde o início de outubro do ano passado, a Scalla FM ressurgiu em São Paulo nos mesmos 102,9 MHz por volta do meio-dia deste sábado (17), com boa qualidade de som e sinal.

Enquanto isso, os ouvintes da emissora na Baixada Santista continuam com dificuldades de recepção. O leitor Luiz Antonio, da Praia Grande, informou que na região o sinal é fraco, "com um pouco de chiado e em mono". A concessão da Scalla (em nome de "Sistema Maior de Comunicação Ltda.") está vinculada à cidade de Cubatão.

A programação musical continua a mesma, com músicas instrumentais.


Leia tudo que já foi publicado sobre a Scalla FM

Folha publica vários erros em panorama do dial FM paulistano

A revista sãopaulo distribuída na edição do último domingo (04) da Folha trouxe uma matéria falando sobre as mudanças no dial paulistano ocasionadas pela saída das rádios Oi e Mit FM. Além de discutir o futuro das rádios customizadas e também das "convencionais", a reportagem apresentou um infográfico com todas as emissoras do dial FM da cidade e um breve resumo histórico de cada uma.

O Micael Silva enviou o link da matéria digitalizada, que reproduzo aqui:


Ver no imgur: Páginas 16/17 e Página 18 (alta resolução)

Falar do rádio na reportagem é excelente, principalmente se considerarmos o pouco destaque que ele tem hoje na grande mídia. Mas fiquei impressionado com a quantidade de informações erradas no texto, principalmente no infográfico.

Fiz uma lista desses erros:


NO INFOGRÁFICO:

88,1 - O texto confunde AM e FM. Diz que a Gazeta FM foi fundada na década de 1940. Quem foi fundada nos anos 40 foi a Gazeta AM - naquela época nem existia rádio FM no Brasil.

89,7 - No texto que descr…

Mit FM sai do ar em SP; Rede Mundial reassume frequência com "Iguatemi Prime"

Depois de quase quatro anos, a Mit FM deixou os 92,5 FM (São Paulo) no final desta segunda-feira (05). Pouco depois da meia-noite, uma vinheta de identificação anunciava, enfim, a substituta: Iguatemi Prime.

A Mit saiu do ar sem uma despedida "formal" e só não passou em branco por causa da programação musical. Não por acaso, as duas últimas músicas executadas foram "It's the end of the world as we know it", do R.E.M, e "Só o Fim", do Camisa de Vênus. Os últimos minutos foram acompanhados por vários fãs em página não oficial da emissora no Facebook.

Para não dizer que o fim da Mit FM passou totalmente em branco, a Mitsubishi Motors veiculou um editorial agradecendo aos ouvintes pela audiência e confirmando a data de encerramento da programação. O áudio, que reproduzo aqui, foi captado pelo Anderson Cheni.



A programação musical da Mit continua no streaming da rádio, pelo menos por enquanto. Só músicas, sem vinhetas. Provavelmente vai ser mais uma a integra…